Conteúdo pedagógico

 

Você sabe qual a importância de brincar em grupo?

A brincadeira em grupo favorece princípios como cooperação, liderança, competição e respeito às regras.
O momento da brincadeira é uma oportunidade de desenvolvimento para a criança. Brincando ela aprende, experimenta o mundo, possibilidades, elabora sua autonomia, sem falar nas relações sociais; é na educação infantil que laços afetivos são estabelecidos e vão propiciar benefícios para a vida.

Veja as fotos >>



Aprendendo sobre as Plantas

Nesta aula as crianças foram convidadas a passearem pela escola e observarem as plantas, além de cuidarem delas. Algumas folhas foram coletadas. Ao retornarem para a sala, em uma roda de conversa, foram instigadas a falarem sobre as diferenças e semelhanças. Manusearam as folhas para sentirem as texturas e cheiros. As tintas entraram em cena para complementar a atividade de registro coletiva e individual. O carimbo feito com as folhas encantou a todos. Manipular materiais não convencionais, como folhas, tornou a aula mais interessante, além de estimular a expressão das sensações e percepções que tiveram: visuais, olfativas e táteis.

Veja as fotos >>



Brincando de Cobra Cega

Você sabia que a brincadeira CABRA-CEGA, na idade média era um passatempo palaciano??? Já deve ter um tempo que você não vê ninguém brincando de cabra-cega por aí, mas caso queira reviver a tradição, basta um pedaço de tecido e reunir a turma. A cabra-cega da vez será vendada e tentará encontrar os companheiros de brincadeira; ao trombar com alguém, terá que adivinhar quem é a pessoa; se acertar, esta passa a ser a cabra-cega. Os alunos do período Integral, quando estão em Recreação, adoram se aventurar por várias brincadeiras, afinal esta é nossa proposta para este período : que seja leve, divertido e dinâmico!!!

Veja as fotos >>



Matemática Ensinada e Receita Apreciada

Nosso material pedagógico (SAS) @saseducacao, proporciona uma série de vivências para abordarmos um mesmo conteúdo. Assim, a compreensão do tema proposto fica mais real. Nesta aula com as turmas do Maternal II, a matemática foi trabalhada de uma maneira diferenciada. Utilizamos uma deliciosa receita de BOLO DE MEL, sugerida pelo SAS, para que as crianças pudessem observar e executar concretamente uma situação didática através dos ingredientes da receita, relacionando número à quantidade. Essa vivência tornou a aprendizagem mais significativa. Matemática ensinada e receita apreciada!!!

Veja as fotos >>



Conquistas Importantes para a Autonomia dos Bebês

No primeiro ano de vida, há várias conquistas importantes para a autonomia dos bebês, entre elas, comer sozinho.
Cedo demais? Por volta dos oito meses, a criança já consegue segurar frutas e verduras com a mão e deve ser incentivada a se alimentar assim; não apenas para aprender a comer sem ajuda, mas também para conhecer a textura e o sabor dos alimentos, o que irá influenciar sua relação com a comida futuramente.
Esta atividade faz parte do projeto “Vivendo no mundo das sensações” do nosso Berçário. Vivência aprovada pelos nossos alunos! A mexerica estava deliciosa e o ambiente agradabilíssimo!!!

Veja as fotos >>



A IMPORTÂNCIA DA AFETIVIDADE NA EDUCAÇÃO INFANTIL

O alfabeto móvel facilita a identificação das letras e a escrita alfabética, dando mais autonomia aos pequenos.
Com ele, as crianças percebem melhor o formato e as diferenças entre as letras.
Nesta aula, o nome próprio foi o destaque e o alfabeto móvel foi apenas um dos recursos para trabalharmos o reconhecimento do nome.
Nosso Maternal II se empenhou e cumpriu o desafio!

Veja as fotos >>



BRINCADEIRAS LÚDICAS

A palavra “lúdico” vem do latim ludus, que também significa “brincar”, e o aprendizado do educando é garantido quando o afeto e o lúdico também estão presentes. Os jogos e as brincadeiras têm como objetivo desenvolver a aprendizagem pela compreensão do mundo e do saber. Segundo Vygotsky (1991), a brincadeira possui três características: a imaginação, a imitação e a regra. Elas estão presentes em todos os tipos de brincadeiras infantis, tanto nas tradicionais, naquelas de faz-de-conta, como nas que exigem regras.

Por meio delas, o educando cria seu próprio mundo de fantasias, que os levam ao encontro do “eu”. Como o brinquedo é o objeto que tem papel fundamental na vida da criança, isso possibilita que o trabalho pedagógico estimule a afetividade na criança, e é por meio desses brinquedos que o aluno vai demonstrar seus sentimentos e as suas necessidades. A socialização e a criatividade ganham destaques porque garantem um bom relacionamento entre as pessoas que estão no jogo.


A PERSONALIDADE

A afetividade tem grande função no processo de desenvolvimento da personalidade de uma criança, e é formada a partir da ação do meio social em que se está inserida, pois assim como a inteligência ela é construída ao longo de uma história, podendo se modificar de um período a outro.

É fundamental abordar que a relação pedagógica deve nortear a relação afetiva, que terá influência no desenvolvimento do aluno, tendo em vista as diferenças individuais e comportamentais inerentes ao ser humano.

“A afetividade e o desenvolvimento da inteligência estão dissociadas e integradas, no desenvolvimento psicológico, não sendo possível ter duas psicologias, uma da afetividade e outra da inteligência para explicar o comportamento.” (Piaget apud Arantes, 2003, p.56).


AFETIVIDADE E APRENDIZADO

A relação entre a afetividade e a aprendizagem tem influência fundamental que garantem ao aluno um ensino de qualidade, além de contribuir na formação da criticidade, solidariedade, criatividade e felicidade. A escola é o local onde a criança complementa as formações cognitivas e afetivas.

Nesse caso, fica muito difícil ensinar quando uma criança não sente segurança no local onde passa muito tempo de sua vida. Portanto, o papel da escola é o de acolher e de transmitir afeto para seus alunos. Assim, uma criança sociável, que busca novos caminhos, disposta e pronta para conhecer o novo será formada. Nada para ela será dificuldade, sendo ela preparada para a vida, podendo sentir que o educador é um amigo que tem e espera respeito.

 

 

 

 

CAMPANHA MEIAS DO BEM

 

Aguarde as fotos

 

 

 

Vivências e experiências que se transformam em conhecimentos na Educação Infantil

Estudos da neurociência afirmam que a criança aprende muito mais nos primeiros anos de vida do que em qualquer outro período. Estas aprendizagens ultrapassam os conteúdos escolares e incluem a formação de hábitos, atitudes e valores, noções de convivência e solução de questões cotidianas, que garantem a iniciativa em direção à conquista da autonomia e o desenvolvimento de habilidades de pensamento.

Ao se relacionar com outras crianças, professores e profissionais da escola, a criança amplia suas relações e aprende a conviver. É na convivência que surgem os conflitos do pensar, do querer, do gostar, de forma diferente do outro.

A Escola Infantil e as múltiplas relações que esta possibilita, criam cenários inéditos de aprendizagem. É na escola, nesta relação de aprender e ensinar que a criança considera pensamentos e ideias divergentes, desenvolvendo habilidades para lidar com as situações do cotidiano e flexibilidades diante dos problemas. Questiona, observa, atua e vive experiências únicas!

Na Escola Dimensão, fomentamos as aprendizagens das crianças por meio de múltiplas linguagens, criamos diferentes contextos para que a criança seja protagonista de suas ações, garantindo a pluralidade de vivências que incluem o imaginar, pintar, cantar, correr, brincar, jogar, comemorar, investigar, desafiar, reconhecer, ser e cuidar de si, do outro e da natureza.

Na proposta da atividade abaixo propusemos aos alunos de três anos, utilizando uma lupa, observar, analisar e levar para a sala folhinhas verdes para “Donas Formigas”.

As crianças também aproveitaram a lupa para caçar insetos, observar flores, transformando a atividade em momentos de reflexão, descontração, alegrias e descobertas. É nesta contextualização significativa que acreditamos!

 

Mais fotos

 

 

 

Movimento e Ação

Blog Image

 

Mais fotos

 

Família

A família é parte fundamental para o bom desenvolvimento da criança, é seu ponto de referência. A escola é a ampliação do espaço que ela tem em casa. Dessa forma, ela se integra ao mundo, desenvolve seus sentimentos, como carinho, amor e respeito ao próximo. Em roda, conversamos sobre a importância da nossa família, nossos pequenos identificaram seus familiares nas fotos e juntos construímos nosso painel, no qual pudemos expressar nossos sentimentos por essas pessoas tão especiais.

 

Mais fotos

 

Movimento e Ação

Blog Image

 

Mais fotos

 

 

O faz de conta

Blog Image

A criança em sua idade pré-escolar vive a alegria do jogo simbólico, também conhecido como faz de conta. Esse processo caracteriza-se por recriar a realidade usando os sistemas simbólicos da criança, além de sua imaginação e fantasia. Normalmente, através desse faz de conta, a criança interpreta e ressignifica o mundo real. É super importante para o seu desenvolvimento, pois através da brincadeira, ela expressa seus sentimentos, dificuldades, facilidades, questões que observa em família ou no seu cotidiano na escola. O faz de conta possibilita essa conversa do mundo interior com o mundo real. A criança experimenta sensações, digere situações que viveu ou observou, consegue vivenciar situações como se colocar no lugar do outro.

 

Mais fotos

 

Alimentos Doces e Salgados

Blog Image

Os alimentos doces e salgados fazem parte da nossa alimentação! Vivenciamos sensações, percepções visuais, auditivas e gustativas.

Provamos biscoitos e frutas, preparamos um delicioso brigadeiro de panela, aprendemos noções de higiene no preparo de alimentos, os cuidados que devemos ter na cozinha, realizamos a leitura de símbolos (rótulos) e expressamos oralmente ideias e opiniões.

 

Mais fotos

 

Brincadeiras

Blog Image

O nome próprio de uma criança é seu marco de identificação e, por isso, é tão valorizado por ela. Brincadeiras como adivinha de nomes, contato com letras móveis, plaquinhas com a escrita, entre outras, fazem parte das atividades de leitura e escrita que oferecem aos alunos possibilidades de aprenderem e reconhecerem o seu nome.

 

Mais fotos

 

Novidade!

Blog Image

Novidade em nossa Escola para as turmas de Jardim I e II! Aulas da Yázigi na Escola Dimensão (após horário de aula). As crianças adoraram conhecer o mascote do curso PADDY THE JELLY!!

 

Mais fotos

 

Brincadeiras

Blog Image

O nome próprio de uma criança é seu marco de identificação e, por isso, é tão valorizado por ela. Brincadeiras como adivinha de nomes, contato com letras móveis, plaquinhas com a escrita, entre outras, fazem parte das atividades de leitura e escrita que oferecem aos alunos possibilidades de aprenderem e reconhecerem o seu nome.

 

Mais fotos

 

Esquema Corporal

Blog Image

Ao construir seu esquema corporal, a criança começa a conhecer seu próprio corpo e a adquirir sua identidade. Também reconhece as partes dele e percebe as funções de cada uma delas. Pensando na importância desse processo, mediamos a montagem da nossa boneca. Eles se divertiram muito vivenciando este momento./p>

 

Mais fotos

 

Conhecendo a goiaba

Blog Image

Na atividade do Projeto Nutricional deste mês, falamos sobre a Goiaba. Muito nutritiva, contém várias vitaminas, incluindo a Vitamina C que é responsável por aumentar a imunidade do corpo. Possui, também, propriedades antidiarreicas que podem prender o intestino. As crianças experimentaram o sorvete feito com a goiaba pura, sem adição de açúcar, e aprenderam a fazer o “geladinho de goiaba” para preparar em casa com a família.

 

Mais fotos

 

Destaque Cor Vermelha

Blog Image

Como diz o educador e escritor Rubem Alves, “Devemos dar sabor ao nosso saber e ensinar os alunos a degustarem as coisas”. E por que não “degustar” as cores com as nossas crianças? Se dermos “sabor” às atividades, elas serão realizadas com muito mais alegria e prazer. Foi o que aconteceu nesta atividade, em que a cor vermelha foi o destaque!!

 

Mais fotos

 

Carnaval

Blog Image

“Mamãe, eu quero, mamãe, eu quero Mamãe, eu quero mamar Dá a chupeta, dá a chupeta Dá a chupeta pro bebê não chorar...”

Nosso baile de carnaval foi colorido e muito contagiante!

 

Mais fotos

 

Contação de histórias

Blog Image

Emilie, contadora de histórias, utilizou de recursos diversos para convidar a “plateia” para um encontro divertido: instrumentos percussivos que imitam os sons dos animais. A participação dos alunos através de gestos e sons e, em especial, a técnica japonesa do Kamishibai (um pequeno teatro de madeira que revela as ilustrações da história contada).

Os nossos pequenos entraram num mundo muito especial, onde os animais falavam e foram personagens principais.

 

Mais fotos

 

Volta às aulas


Blog Image

A organização dos cantos na rotina da Educação Infantil é uma possibilidade de oferecer diferentes ambientes que possibilitam oportunidades para as crianças desenvolverem a criatividade e interagirem com o mundo em que elas vivem. Os espaços montados no nosso 1º dia de aula, acolheram os alunos e propiciaram recursos de aprendizagem, experimentações e desenvolvimento pessoal, através destas vivências.

Os ambientes bem organizados e planejados são fundamentais para promover o envolvimento, acolhimento, autonomia, o convívio do grupo e a capacidade de reproduzir e criar novas experiências positivas.

 

Mais fotos

 

Escuta musical

Blog Image

A escuta musical é fundamental para ampliar as percepções, repertoriar, além de despertar sensações. Porém, para os pequenos, escutar ainda é uma prática desafiadora, afinal, exige concentração, atenção à escuta e à busca pelo silêncio. Assim, nossas práticas sempre têm elementos concretos, que auxiliam no foco, referentes às marchas. Os chapéus tomaram a vez. Lindo de ver!

A imersão às novas sonoridades é de grande riqueza aos pequenos, possibilitando novas referências à sua escuta. Obs: percepção é o nome (correto) dado à prática de escutar, na música é se deparar aos detalhes, aos instrumentos, se tem canto ou não, se é lenta ou rápida e tantas outras questões.

 

Mais fotos

voltar